A Terceirização de Departamento Financeiro vale a pena? Prós e Contras

A Terceirização de Departamento Financeiro vale a pena? Prós e Contras

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A Terceirização de Departamento Financeiro vale a pena. Essa é a resposta mais curta e direta que você poderá obter a respeito do assunto.

Já falamos sobre a terceirização financeira aqui no blog anteriormente. Mas, quais são os prós e contras de terceirizar o financeiro do seu negócio? Por que esse assunto não é tão difundido?

É isso que você descobrirá hoje, aqui no blog da Ativos Contabilidade.

Os prós da Terceirização de Departamento Financeiro

Começando pelos prós de terceirizar as finanças da empresa, podemos citar:

  • Redução de Custos;
  • Economia com encargos trabalhistas;
  • Desburocratização de Processos;
  • Respeito máximo aos prazos de contas a pagar e receber;
  • Precisão nos números obtidos;
  • Previsibilidade Financeira para os próximos meses;
  • Tomada de decisão mais estratégica;
  • Controle de Fluxo de Caixa em dia;
  • Planejamento Financeiro completo
  • Gestão de Riscos.

Ufa! As vantagens não são poucas, como você pode ver. Tudo isso, quando somado, possibilita que você realize um trabalho muito mais estratégico na sua empresa e obtenha resultados mais precisos e previsíveis.

Trabalhar sem precisar considerar tantas variáveis diferentes, com a certeza de como seus resultados serão impactados, é bastante vantajoso, gera tranquilidade e possibilita um ganho considerável de tempo e de produtividade.

Imagine que você paga:

  • R$ 2.500 de salário para seus funcionários do financeiro;
  • R$ 700 de mensalidade com seu software financeiro;
  • R$ 500 de VR ou VA;
  • R$ 250 de vale-transporte.

Isso totaliza R$ 3.950,00 por mês. Porém, você não tem apenas um funcionário no financeiro, tem 3! O resultado é que você gasta exorbitantes R$ 11.850,00 mensais somente com funcionários do financeiro!

Com a Terceirização de Departamento Financeiro, você só precisará custear a mensalidade com a empresa terceirizada e o software financeiro para acompanhar tudo.

Os contras de Terceirizar o Financeiro

É difícil citar os contras da terceirização financeira. Para falar a verdade, sua empresa não perde em absolutamente nada com a terceirização. O que acontece é a sensação de não estar mais no controle, mas isso apenas no primeiro momento.

O contra é que, no primeiro momento, você pode não saber o que fazer com seus funcionários que faziam parte do departamento financeiro.

Assim que chegarem os primeiros relatórios, você terá em mãos os dados necessários para tomar decisões que mudam o cenário da sua empresa para valer.

Esse poder de decisão e a base de dados que você terá em mãos será um diferencial gigantesco em relação à concorrência. Você saberá exatamente o que está acontecendo, quando está acontecendo e como está acontecendo!

Porém, sem a sua supervisão direta, sem que funcionários da sua empresa estejam necessariamente envolvidos no processo. Você pode decidir por promovê-los a funções de supervisão financeira, em contato direto com a empresa terceirizada ou designar novas funções. Seja qual for sua escolha, você só tem a ganhar.



Outros artigos que podem te interessar

Contratação De Funcionários - Ativos Contabilidade

Como contratar funcionários e montar um time de respeito

Uma empresa que não sabe como contratar funcionários corretamente está fadada a enfrentar diversos problemas com a rotatividade e também com a qualidade do trabalho como um todo. Muitas empresas buscam contratar os melhores funcionários, de acordo com os requisitos das vagas ofertadas. A melhor qualificação, a mão de obra mais barata, o profissional mais

Como Regularizar Uma Loja Virtual - Ativos Contabilidade

Como pagar menos impostos dentro da lei – conheça o planejamento tributário!

Saber como pagar menos impostos dentro da lei é o sonho de todo empresário no Brasil.  A alta complexidade tributária e as constantes mudanças na legislação se mostram como fatores que deixam qualquer pessoa que resolve abrir uma empresa com os cabelos em pé. Porém, nem sempre o que o empresário paga em impostos está

Carteira De Trabalho Digital - Ativos Contabilidade

Carteira de Trabalho Digital – o que muda?

A Carteira de Trabalho Digital agora é parte da vida do trabalhador brasileiro, e os empregadores também precisam se adaptar. Prevista na Lei da Liberdade Econômica, sancionada na sexta-feira (20/9), a Carteira Digital é disciplinada pela Portaria nº 1.065, da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, publicada na edição de hoje

Assine nossa Newsletter